Domingo, 24 de Outubro de 2021 18:25
(67) 99638 8893
Geral Mato Grosso do Sul

Agepan amplia o monitoramento do serviço de energia para 70 mil clientes em municípios atendidos pela Elektro em MS

A Agência Estadual de Regulação de Serviços Públicos (Agepan) iniciou um trabalho junto à Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) e à Neoenerg...

24/09/2021 16h30
17
Por: Redação Fonte: Secom Mato Grosso do Sul
Cleidiomar Barbosa
Cleidiomar Barbosa

A Agência Estadual de Regulação de Serviços Públicos (Agepan) iniciou um trabalho junto à Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) e à Neoenergia Elektro para ampliar o acompanhamento da qualidade da prestação do serviço de distribuição nos cinco municípios de Mato Grosso do Sul atendidos pela concessionária. Com isso, tanto os usuários quanto a distribuidora estarão mais próximos da Agência Reguladora estadual, o que facilita o monitoramento do serviço, a solução de conflitos e a melhoria do atendimento nessas localidades.

Brasilândia, Três Lagoas, Selvíria, Santa Rita do Pardo e Anaurilândia fazem parte de uma área de concessão com outros 223 municípios de São Paulo, o que faz com que o monitoramento rotineiro do serviço seja unificado em toda essa região, sem distinguir especificamente o território sul-mato-grossense.

O Monitoramento é a base da metodologia de fiscalização. A Agepan já está em tratativas com a Aneel para que os dados sobre os cinco municípios estejam permanentemente disponibilizados para a Agência do Estado. Isso vale tanto para as informações técnicas, quanto para as reclamações feitas na Ouvidoria da Aneel.

A iniciativa da Agepan deverá beneficiar diretamente cerca de 70 mil consumidores que são clientes da Elektro nas cinco cidades. O diretor-presidente da autarquia, Carlos Alberto de Assis, destaca que essa é mais uma ação da nova gestão da Agência Reguladora no sentido de aprimorar as entregas de seus serviços ao cidadão. “Queremos que os usuários dessas cidades tenham a Agepan como referência no cuidado com a boa prestação do serviço de energia, assim como já acontece nas demais cidades do estado que são atendidas pela Energisa”, explica o presidente.

Assis promoveu também uma primeira reunião com a equipe da Diretoria de Regulação da Elektro para ampliar o relacionamento institucional, visando alinhar os procedimentos em busca da melhor condução das questões regulatórias. No encontro, demonstrou a disposição da Agepan em trabalhar pelos interesses dos municípios atendidos pela distribuidora.

A reunião, on line, contou com as participações do Diretor de Gás e Energia da Agepan, Valter Almeida da Silva da Ouvidora Cristiane Leite Ferreira, e representantes das áreas de Ouvidoria e regulação técnica e comercial da concessionária. “É uma demanda antiga que temos, para podermos analisar os principais problemas naquelas cidades e ajudar a melhorar o serviço, com base nos registros dos usuários”, destaca Cristiane Leite.

Diagnóstico da qualidade

A ampliação do monitoramento do serviço proposta pela Agepan vai fortalecer um trabalho que já é feito, de atuação por demanda, quando ocorre alguma solicitação ou é identificado algum problema. Uma nova ação desse tipo vai ter início neste mês, conforme foi definido entre a agência estadual e a Superintendência dos Serviços de Eletricidade/Aneel. “Em razão de um aumento de solicitações da população e de clientes do setor produtivo, vamos realizar um diagnóstico em toda aquela região. O trabalho consiste na avaliação dos indicadores de qualidade e também visitas presenciais para avaliação in loco da prestação do serviço”, conta o diretor de Gás e Energia, Valter Almeida da Silva.

Os indicadores de qualidade a serem avaliados são aqueles que representam duração e frequência de interrupção no fornecimento de energia, tanto em conjuntos (um grupo de unidades consumidoras), quanto individuais. Eles demonstram, por exemplo, quantidades de vezes e tempo de duração em que o consumidor ficou sem energia num determinado período.

Gizele Oliveira, Agepan

Fotos: Cleidiomar Barbosa

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias